R. Sete de Setembro, 363 - Americana, SP
55 (19) 3461.7048 - (19) 3461.1865
ipamericana@ipamericana.org.br
Tema do Mês
Fé centralizada na pessoa de Cristo
Lucas 2. 11
 
 
 
Mensagens
 
26/03/2017
A MENSAGEM SOLENE DE DEUS

Texto: Malaquias 1.1

I – Introdução
Deus se comunica conosco. Deus é um verbo. Ele fala conosco, nos transmite mensagens.
Nas Igrejas Reformadas o momento da pregação das Escrituras é um momento muito especial no culto público. É o momento que Deus “fala” com seu povo, transmitindo sua mensagem.

II – Narração
O livro de Malaquias notabiliza-se por seu estilo dialógico. O povo de Deus vivia em triste condição espiritual e, consequentemente, estava sempre pronto a trazer em questão todo e qualquer assunto, até mesmo as declarações de Deus. Malaquias é o mensageiro de Deus. É o mensageiro que apresenta a mensagem solene de Deus.

III – Tema: "A mensagem solene de Deus"
Algumas verdades podem ser destacadas:

1) A natureza da mensagem (1.1)

O mensageiro de Deus apresenta uma sentença. Sua mensagem não é de consolo. Sua mensagem não é palatável. Não é uma mensagem adocicada, suave, de auto-ajuda, de fazer massagem no ego humano. Era uma mensagem com um peso para o coração do profeta, com um peso para o povo e, com um peso para o próprio Deus. Às vezes, esta é a mensagem que precisamos proferir.

2) A autoridade da mensagem (1.1)

A mensagem não é criada pelo profeta, ele apenas a transmite. O pregador não gera a mensagem. A mensagem é oriunda do próprio Deus, de sua santa Palavra, das Escrituras. Deus governa e pastoreia sua Igreja também por meio de um púlpito fiel às Escrituras. Não podemos ter uma mensagem sem o texto das Escrituras.

3) O destino da mensagem (1.1)

O destinatário da mensagem era o povo da aliança, Israel. Povo que estava desprezando esta aliança, insultando assim, o amor de Deus. A sentença mostra que o juízo de Deus começa com o seu próprio povo. Quando o povo da aliança desobedece Deus envia a vara da disciplina. A Igreja não tem autoridade para chamar o mundo ao arrependimento antes de acertar sua vida com Deus.

4) O instrumento da mensagem

Deus levanta homens para pregar não o que eles querem pregar; não o que o povo quer ouvir, mas o que Deus ordena. Somos Malaquias. Somos mensageiros de Deus. Sejamos fieis como instrumentos do Senhor que fala.

 

IV – Conclusão

 
 
IPA . Igreja Presbiteriana de Americana © 2014-2015 . Todos os direitos reservados . Criado por DRW Integrada
 
Quem Somos Sociedades Ministérios Informações Contatos
Notícias
Agenda
Boletim Semanal
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Mensagens
Estudos
IPA TV
Fale Conosco
Atendimento
Congregações
Cadastre-se