R. Sete de Setembro, 363 - Americana, SP
55 (19) 3461.7048 - (19) 3461.1865
ipamericana@ipamericana.org.br
Tema do Mês
Fé centralizada na pessoa de Cristo
Lucas 2. 11
 
 
 
Mensagens
 
05/03/2017
VIVENDO O EVANGELHO DE CRISTO

SÉRIE – FILIPENSES (Grupos Familiares)
TEXTO: Filipenses 1.27-30

 

EXÓRDIO:
O que você pensa da pergunta: “Se os cristãos fossem mais perseguidos, seriam mais fieis?”

EXPLICAÇÃO:
Partido do v. 27, apresenta-se o motivo da carta. Paulo está preocupado com a vida, com o dia-a-dia, em como devem viver e se portar os cristãos. “Acima de tudo” demonstra prioridade.
“Viver” = “ser cidadão” = “portai-vos como cidadãos” – quais as implicações desta tradução?

TEMA: VIVENDO O EVANGELHO DE CRISTO

1) COM DIGNIDADE (1.27a)
É a primeira expressão: “vivei de modo digno o evangelho...”
Somos chamados para ser modelos de cidadãos! Viver a cidadania de modo digno!
Significa que devemos cumprir nossas obrigações como cidadãos, lembrando de algo profundamente importante: somos representantes de uma outra cidade (1 Pe 1.1, 17); somos embaixadores do Reino (2 Co 5.20) – somos cidadãos do Reino do céu: “são cidadãos do reino celestial, e a conduta deles na igreja, e no mundo, deve ser determinada pelo fato de serem membros, ou cidadãos, do reino de Cristo na Terra” ( Ralph Martin).

2) COM FIRMEZA (1.27b)
Observe as palavras que expressam firmeza: “ou indo ver-vos ou estando ausente”; “estais firmes”; “lutando”. A igreja de então estava sendo exortada a viver de modo digno a todo o momento, em todas as circunstâncias, à vista ou não; em frente às pessoas ou não. Chamada a estar firme e lutando. Estes temas são característicos em Paulo: Fp 4.1; 1 Co 16.13; Gl 5.1.
Devem estar firmes, lutando juntos. Não há compromisso com o erro. Paulo tem em mente a lealdade ao Senhor, no contexto, exercida na presença dos adversários e em meio à perseguição.

3) COM UNIDADE (1.27b)
Vejamos agora, outra ênfase do versículo: a unidade. Paulo deseja para eles, como membros da igreja em Filipos, a mais alta qualidade de vida comunitária. Deseja a unidade cristã, a harmonia ativa dominante. Esta exortação também é comum em Paulo: Rm 12.5; 12.12; I Co 1.10; 10.17; II CO 13.11; Gl 3.28; Ef 2.11-12 entre outros.
A unidade que aqui se apresenta é a do esforço e do labor unidos, lada a lado, como gladiadores, contra um inimigo em comum

4) COM INTREPIDEZ (1.28-30)
Por fim, os versículos finais destacam que a atitude daqueles que vivem de modo digno do evangelho diante das adversidades, dos inimigos, das afrontas: a intrepidez. “e que , em nada, estais intimidados”: “Qualquer que seja a ameaça com que o inimigo consiga assaltar, não tema, Cristo é mais forte. Nunca se intimide diante do adversário, pois Cristo ganhará a batalha por você” (Shedd).
E acrescenta: se você estiver sofrendo por Cristo isto é um privilégio. Diz que é pela graça de Deus que lhe é permitido sofrer por amor a Cristo! Finalmente, Paulo nos convida a olhar para o seu exemplo. O sofrimento dos filipenses por Cristo é um privilégio (não sofrimento forjado ou forçado), e o próprio Paulo participa destes sofrimentos.

CONCLUSÃO:
Não podemos afirmar se a igreja que for mais perseguida será mais fiel ou se for mais fiel, será mais perseguida. O que podemos afirmar, com certeza indelével, é que devemos viver o evangelho de Cristo!

 
 
IPA . Igreja Presbiteriana de Americana © 2014-2015 . Todos os direitos reservados . Criado por DRW Integrada
 
Quem Somos Sociedades Ministérios Informações Contatos
Notícias
Agenda
Boletim Semanal
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Mensagens
Estudos
IPA TV
Fale Conosco
Atendimento
Congregações
Cadastre-se