R. Sete de Setembro, 363 - Americana, SP
55 (19) 3461.7048 - (19) 3461.1865
ipamericana@ipamericana.org.br
Tema do Mês
Fé centralizada na pessoa de Cristo
Lucas 2. 11
 
 
 
Mensagens
 
12/02/2017
APRENDENDO COM UMA MULHER - LIÇÕES PARA A VIDA

Texto: Lucas 8.43-48

Introdução
No domingo celebramos o “Dia da Mulher Presbiteriana”. Há muitas histórias na Bíblia sobre mulheres. Nem sempre essas histórias são mencionadas ou estudadas. Muitas dessas mulheres tiveram um caráter fascinante, forte, belo, corajoso e digno de ser imitado. Nosso Deus, de forma soberana, sempre usou homens e mulheres para cumprir seus propósitos e se revelar na história dos homens.

 

Narração
O texto de Lucas 8.43-48 registra a história de uma mulher anônima que sofria de uma hemorragia. Sua luta contra a doença durava 12 anos. Gastou dinheiro com vários médicos sem nenhuma esperança de cura. Quando o Senhor Jesus caminhava rumo à casa de Jairo, com uma grande multidão, ela entra na multidão com o objetivo de tocar nas vestes do Senhor Jesus. Sua certeza era que, se tocasse em suas vestes, seria curada. Foi o que aconteceu.
Esta é uma história em que podemos aprender com esta mulher. Vejamos:

 

Tema: Aprendendo com uma mulher – lições para a vida

1) Ela soube muito bem superar os vários obstáculos
Essa mulher é exemplo importante, pois soube superar os vários obstáculos, revelando sua coragem e determinação. Mesmo diante de barreiras, ela foi à luta e não se acomodou. Pensemos em alguns obstáculos que ela superou:
1.1. Fraqueza física – É muito provável que ela estivesse fraca fisicamente, pois perdia sangue diariamente.
1.2. Desesperança – Ela já havia procurado vários médicos e tinha gastado os recursos que possuía. Provavelmente, o seu sofrimento prolongado havia quase destruído seus sonhos. Viver sem esperança é viver sem alegria, sem razão e sem motivação para continuar.
1.3. Segregação – Ela sofreu, pelo menos três tipos de segregação: a) conjugal; b) social; c) religiosa;
1.4. A multidão – foi o maior de todos os obstáculos. Jesus estava cercado de muita gente, mas, mesmo assim, ela conseguiu “furar o cerco” e tocar na orla da veste de Jesus. Não nos esqueçamos de que a carreira cristã é uma verdadeira corrida de obstáculos.

2) Ela revelou profunda convicção de fé na pessoa de Jesus
A mulher revelou sua fé em Jesus ao declarar: “(...) se eu apenas lhe tocar as vestes, ficarei curada” ( Mc 5.28). Foi pela fé que tudo aconteceu. Fé na pessoa de Jesus Cristo.

3) Ela demonstrou uma postura humilde e reverente ao se aproximar de Jesus
O texto informa que essa mulher, agora curada, aproximou-se trêmula e prostou-se diante de Jesus, fazendo sua declaração de fé diante de toda aquela multidão. Ela tocou humildemente em Jesus e foi exaltada. Ouviu de Jesus de forma carinhosa: “Filha, a tua fé te salvou; vai-te em paz”. Aprendemos com esta mulher como é estar na presença de Jesus. Infelizmente, perdemos a consciência da presença de Deus em nossos cultos. Deus está presente! Jesus está presente! No culto e na vida, devemos nos aproximar dele com uma postura humilde e reverente.

 

Conclusão

 
 
IPA . Igreja Presbiteriana de Americana © 2014-2015 . Todos os direitos reservados . Criado por DRW Integrada
 
Quem Somos Sociedades Ministérios Informações Contatos
Notícias
Agenda
Boletim Semanal
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Mensagens
Estudos
IPA TV
Fale Conosco
Atendimento
Congregações
Cadastre-se